14/07
2009


Para jornal da igreja católica filme tem ‘equilíbrio correto’.
Mérito estaria em esclarecer embate entre bem e o mal.

O Vaticano elogiou o último filme de Harry Potter nesta segunda-feira (13), afirmando que “O enigma do príncipe” torna claro o antigo embate do bem contra o mal.
O jornal “L’Osservatore Romano” deu duas estrelas para o filme, inclusive para a forma como ele retrata o amor entre adolescentes. Para o crítico, o sexto da série atinge o “equilíbrio correto” e torna os personagens mais críveis para o público em geral.
A publicação afirma que o filme, que estreia mundialmente nesta quarta-feira, é a melhor adaptação até agora da série de J.K. Rowling sobre um jovem bruxo e seus colegas na escola de magia de Hogwarts em luta contra o inimigo de Harry, Voldemort.
Mesmo criticando Rowling por omitir qualquer “referência à trascendêcia” explícita em seus livros, o “L’Osservatore” argumenta que o longa mais recente esclarece que o bem deve prevalecer sobre o mal “e que às vezes isso requer custos e sacrifícios”.
Os elogios do Vaticano surgem após as duras críticas sobre a série feitas por um padre conservador austríaco, Gerhard Maria Wagner, que classificou os romances de Harry Potter como satanismo.

Convenhamos, o Vaticano e Harry Potter se baseiam na mesma coisa, ficção e imaginação.
Se eu fosse diretor da WB, convidaria o Papa para tomar um chá com Dumbledore.

Fonte: G1

Blog Widget by LinkWithin
Be Sociable, Share!

1 Comentário até agora

Comente também
  1. ahsuahsua….Essa é boa, o Vaticano mostrando sua face. Por causa das críticas que recebeu por causa do comentarios que fez de Harry Potter, agora fala que é bom só pra parecer mais “flexiveis”..ahsuahsua